Uma provinha do cardápio novo do ÇaVa

O ÇaVa tá na meu “TOP 3 restaurantes para não errar”. Sabe esses lugares que você indica para os amigos sem medo de levar uma esculhambação depois? Pronto. O ambiente é agradável (meio chique, tá? mas sem frescura), os garçons são super atenciosos e a comida, FANTÁSTICA, é servida a um preço justíssimo levando em consideração sua qualidade. Já voltei lá algumas vezes desde que o conheci (relembre AQUI) e nunca saí insatisfeita. Juro de pé junto. As mãos por trás do menu da casa são de Carla Chakrian, a principal responsável por esse meu apreço pelo bistrô. Ô Carla, vai cozinhar bem assim no fogão lá de casa! O babado é que o cardápio, já tão querido, foi renovado totalmente e a gente vai ter a chance de se divertir com as novas criações da chef. Pratos intimamente ligados à identidade da casa e ao afeto do paladar da clientela, como a entradinha de filé com queijo Prima Donna (es-cân-da-lo) e o petit gateau de doce de leite (aka orgasmo gustativo), permaneceram. Mas, quase todo o resto foi substituído. O bacalhau e o foie gras entraram em cena, além dos pratos do post que eu tive a chance de provar. Quanto ao primeiro, digo: meu amigo, essa entradinha numa tava pra brincadeira, não. Babado, confusão e gritaria! Tem quem possa achar cara para o tamanho, mas o sabor compensa até se fosse o dobro do preço. #NÃOSEICOZINHARINDICA1000VEZES

Bora explorar esse cardápio? No topo:

POULPES SENSATION Panelinha de polvo à moda mediterrânea com champignon, tomate cereja, azeite extra virgem, batatinhas ao murro e ervas de provence {R$37}

çava 2013.3RISOTTO Camarões gigantes em crosta de presunto de Parma ao molho de morango e alho negro {R$50}

çava 2013.2çava 2013.4DEUX MILLE FEUILLES  Mil folhas recheadas com mousse de chocolate meio amargo e macadâmia + mousse de doce de leite e calda frutas vermelhas {R$16}

Serviço
ÇaVa Bistrô
Local: Rua Capitão Rebelinho, 519, Boa Viagem (em frente ao Fiteiro)
Fone: 3034.0008

çava 2013.5

 

Milenna Gomes

Criadora do NSC, Milenna é jornalista de gastronomia e mestranda em história da alimentação na Universidade de Coimbra. Recifense vivendo em Portugal. Críticas e sugestões: contato@naoseicozinhar.com

1 Comentário

  • Responder agosto 14, 2013

    Suzi Oliveira

    Ai, cara. Que delícia.
    Isto é uma afronta à minha rigorosíssima dieta.

Deixe um comentário