Crepes La Bella em Boa Viagem: gostosos e com preço bom

O La Bella está funcionando há pouco mais de um ano e eu só ouvi falar dia desses. Onde eu estava, Brasil? Cadê os leitores do Não Sei Cozinhar pra me soprar as novidades? Demorei, mas vim aqui cumprir minha função social e detalhar tudo pra vocês. O fofíssimo Iran, pessoa super do bem (com quem eu trabalhei num dos estágios mais furados da existência humana na terra – pior que esse) e editor do badaladíssimo Design Culture, me apresentou à creperia. Um cantinho mega discreto em Boa Viagem. Tanto que acabei errando de lugar. hahah Entrei no La Bella self-service, dos mesmos donos, que tem na Conselheiro e está mais à vista. Iran foi me resgatar lá. A rua certa é bem ao lado, a mesma do La Fondue.

la bella4GENOVA Melhor crepe em linha reta da América Latina. R$ 21,60.

Gostei do espaço, bem tranquilo. Fui numa sexta à noite e estava uma paz. O atendimento é legal, os pratos saem super rápido e a comida é deliciosa. De verdade. Os preços são justos também: a maioria dos crepes está na faixa dos R$ 17, o mais caro é R$ 21,60. Bem bom, né? Só que o cardápio não tem muita novidade (mas me disseram que vão resolver isso em breve, com o menu novo). É que uma parte dos funcionários do La Bella trabalhou em uma creperia famosa daqui. Acabaram herdando o de padrão lá. E as receitinhas também. Por exemplo, o Genova do La Bella é o irmão gêmeo do meu crepe favorito dessa outra creperia: camarão, queijo gruyère, molho de queijo, coulis de frutas vermelhas, alface-americana, caramelo balsâmico e amêndoas laminadas. Favoritaço da minha vida. Outras referências como o azeite de laranja e as casquinhas de parmesão sobre a massa também estão lá. Minha escolha foi o Barcelona. Maravilhoso! Tem justamente esse gratinado de parmesão por cima que me mata três vezes. E a combinação de cogumelo e camarão me enterra. Felipe pediu um Genova e emendou com o Florença, que é bem inocente e ideal pra quem não come carne.

la bella5BARCELONA Camarão, queijo gruyère, molho de cogumelos e palmitos ao vinho branco, cubos de tomate, sálvia e gratinado de parmesão. R$ 21,60.

la bella6FLORENÇA Tomates marinados, molho de tomates frescos, muçarela e manjericão. R$ 12,90.

Deixei uma espacinho no bucho para essa coisa linda da foto do topo, o Helsinque: morango, Nutella, coulis de frutas vermelhas, amêndoas laminadas e sorvete de creme. R$ 18,90. Tem erro não, people. Pra ser bem egoísta e devorar sozinho, sem dividir. Como meu estômago é igual a coração de mãe quando o assunto é doce, não pude negar o Brownie La Bella, um dos melhos que comi nos últimos tempos. ♥ Ele é tão bom que eu dispensaria o sorvete e os outros balangandãs que vêm junto. Mas como eles já estavam lá, né? hahaha Botei pra dentro também. É isso: comida excelente, preço camarada, ambiente tranquilo. Vocês vão adorar!

la bella2BROWNIE LA BELLA Bolo de chocolate meio amargo com castanha granulada e amêndoa laminadas, sorvete de creme e calda de chcolate. R$ 11,90.

SERVIÇO

La Bella Crepes e Saladas
End.: Rua Desembargador João Paes, 4510 , Boa Viagem.
Informações: (81) 3031-3396

la bellaAMBIENTE Foto desfocada, mas com boa intenção.

Milenna Gomes

Criadora do NSC, Milenna é jornalista de gastronomia e mestranda em história da alimentação na Universidade de Coimbra. Recifense vivendo em Portugal. Críticas e sugestões: contato@naoseicozinhar.com

18 Comentários

  • Responder dezembro 15, 2014

    Marcos Guerra

    Será que tem opção sem glútem? Sou celiaco e gostaria de saber, para poder frequentar.

    A proposito, já temos “glutem-free” no Libório e no Anjo Solto.

    Obrigado

  • Responder dezembro 15, 2014

    Joca Pontes

    Olá Milenna,

    Já tinha ouvido falar nessa casa através de nossos funcionários, que disseram copiar as receitas do nosso La Vague / Bercy, mas, depois de ver estas fotos fiquei anestesiado, é tudo milimetricamente COPIADO!!!

    Tiraram “xerox” de nosso cardápio, passaram corretivo nos títulos e deram novos nomes.
    Além disso, como informado por você, a maioria dos funcionários de lá vieram do Bercy Boa Viagem (antigo La Vague e La Plage), que foram saindo repentinamente, por algum motivo “superior”, e levaram consigo toda a nossa história, construída arduamente, ao longo de 11 anos no mercado recifense.

    Imagine alguém COPIAR este teu “post”, e publicar num outro blog, dizendo-se autor do mesmo. Depois ouvir alguém dizer que você escreve igual a “fulana”, irmã gêmea! A sensação pode ser parecida com a que estou sentindo agora.

    Por fim, te convido a nos fazer uma visita, apresentarei pessoalmente todo o cardápio ORIGINAL, explico a história de cada prato e mostro nossa estrutura dos bastidores ao salão principal.

    Atenciosamente,
    Joca Pontes.

    • Milenna Gomes
      Responder dezembro 15, 2014

      Milenna Gomes

      Olá, Joca!

      Eu conheço os teus restaurantes. Gosto muito, inclusive. Da comida, do ambiente, do atendimento. Tanto que reconheci no La Bella todas as referências ao seu trabalho, de anos, e não deixei de citar no texto que as preparações não são originais e já existiam em outro lugar. Compreendo o que você está sentindo e respeito. E espero que você entenda que meu trabalho aqui é estritamente informativo. Conheci o local e falei sobre ele, objetivo do blog.

      Estou à disposição, a qualquer momento, para fazer uma nova publicação sobre o La Vague, contando, como você sugeriu, a história de cada prato.

      Atenciosamente também,
      Milenna Gomes.

    • Responder dezembro 15, 2014

      Bruno Catão

      Parabéns Joca pela postura!!!

      Competência, capacidade e respeito vc tem de sobra.

  • Responder dezembro 15, 2014

    Roberto Caminha

    O sujeito copia o cardápio de quem já está consagrado no mercado e é parabenizado com uma matéria num blog no JC. Absurdo isso!

  • Responder dezembro 15, 2014

    Airton

    Recife está cheio de talentos…
    Um contra-senso investir em repetição de fórmulas de secesso quando se poderia ousar em abrir uma casa com personalidade própria oferecendo algo efetivamente inovador para o público recifense. Não vale a pena.

  • Responder dezembro 15, 2014

    Rodrigo Amaral

    Parabéns Joca Pontes pela postura e pelo trabalho feito ao longo desse tempo todo, trabalho este digno de ser saboreado e admirado, mas nunca copiado para exploração comercial. Essa casa “ctrl + C / ctrl V” nunca me terá como cliente.

  • Responder dezembro 15, 2014

    José Maria

    Absurdos de mercado que não mereciam comentários, muito menos de um blog com tanta abrangência!!!! É uma pena !

  • Responder dezembro 15, 2014

    Marcelo Ferraz

    Alguns se inspiram, outros, que não conseguem, tentam copiar. Pena faltar competência a alguns e ter que trabalhar na sombra de outros. Ao mesmo tempo bom saber que só se tenta copiar o que está fazendo sucesso.

    Parabéns Joca pelo belo trabalho sempre com qualidade e perfeição nas combinações do cardápio.

  • Responder dezembro 16, 2014

    André Saburó Matsumoto

    Não sou muito de fazer comentários, mas qdo li esta matéria achei que merecia um recado… Somos todos movidos a ter uma referência, na vida pessoal ou profissional. Sempre queremos trazer boas idéias e fazer o melhor, mas temos que lembrar da ética…. Quando copiamos uma idéia bacana, primeiro temos que ter a permissão para isso, ou pelo menos, copiar e mudar para melhor…. Conheço o trabalho de Joca, Luciano, Leonardo e Edgar de perto e sei o quanto eles batalharam (e ainda batalham) para manter a qualidade nas casas… Copiar e colar não é o melhor caminho, até porque quem detêm a sabedoria e a criatividade sempre estará a sua frente… Tente seguir sozinho, estude, pesquise mais e vc terá uma noite de sono cada vez melhor. Bom dia.

  • Responder dezembro 16, 2014

    Tiago Carneiro

    Conheço o La Bella e o crepe de lá realmente é delicioso. Eles erraram de copiar o cardápio, mas, receita qualquer um pode pegar e fazer, só que deixar saboroso não. Estão errado sim mas em gastro quase sempre nos deparamos com cópias de cardápios, estilo de ambiente, segmento culinário. Não é apenas por que copiaram um cardápio, mas também por que os funcionários sabem como fazer já que tiveram “uma boa escola”. Vou continuar indo no La Bella por que gosto da comida, atendimento é legal e ambiente organizado.

  • Responder dezembro 16, 2014

    Nivaldo Barros

    As vezes me assusta os valores atuais de nossa sociedade.
    Cópia de cardápio, “estelionato” de funcionários e informações…
    Tudo isso sendo elogiado em um blog de um dos principais meios de comunicação de Pernambuco.
    É tudo isso tido como normal por alguns consumidores.
    Desculpem, mas o diagnóstico é simples:
    Isso não é correto e ponto final!
    Joca Pontes, seu talento e profissionalismo nunca poderão ser copiados!
    Siga em frente que as cópias passarão mas o original permanecerá firme!

  • Responder dezembro 16, 2014

    Claudemir Barros

    Milena quando eu estou aqui no seu blog eu vivo esse momento que é lindo. E de frente pra você , as mesmas emoções sentindo. Por mais que esteja mascarada a citação não é minha . Qualquer ser humano notará que é do rei Roberto. Mesmo que eu realmente esteja sentindo. Xeros vem com a assinatura real. Apenas uma copia mas a mesma que a original. O jargão de vamos dar a cesar o que é de Cesar é justo correto e perfeito. Dar a cesar o que é de joca é desonesto, desonroso e antiprofissional. E acima de tudo lamentavel . Que venhamos a da a joca é e esta assinado por joca

  • Responder dezembro 16, 2014

    Claudemir Barros

    Milena quando eu estou aqui no seu blog eu vivo esse momento que é lindo. E de frente pra você , as mesmas emoções sentindo. Por mais que esteja mascarada a citação não é minha . Qualquer ser humano notará que é do rei Roberto. Mesmo que eu realmente esteja sentindo. Xeros vem com a assinatura real. Apenas uma copia mas a mesma que a original. O jargão de vamos dar a cesar o que é de Cesar é justo correto e perfeito. Dar a cesar o que é de joca é desonesto, desonroso e antiprofissional. E acima de tudo lamentavel . Que venhamos a da a joca o que é e esta assinado por joca

    • Milenna Gomes
      Responder dezembro 17, 2014

      Milenna Gomes

      Olá, Claudemir. Se com o “desonesto, desonroso e antiprofissional” você está se referindo a mim, é uma pena. Você não me conhece. Te respeito muito como profissional e acho teu trabalho incrível. Lamento muito mesmo ser julgada por algo, inclusive, que eu não fiz. Dei a Joca o que é de Joca. Não creditei ao La Bella as criações dele e deixei muito claro no texto que o cardápio não era original. Não menti em nenhum momento. A comida é boa mesmo. E o é porque Joca a criou. Mas, este é um blog de resenhas, veja bem. Vou aos locais para experimentar e repassar aos leitores o que achei, sem entrar no mérito dos bastidores, porque o grande público não se interessa por isso.

      Ah, essa nem é a primeira vez que o restaurante sai na mídia (dê uma lidinha em jornais passados). Só que eu dei a sorte de ser pega para Cristo.

  • Responder dezembro 16, 2014

    Erika Lacet

    Assim como outras pessoas, conheço o trabalho de Joca Pontes como Chefe e seus seus sócios. Felizmente a criação culinária não gera direito autoral, mas tdevos respeito pela criações dos profissionais de uma área tão apreciada por todos nós. O comentário do blog foi infeliz e merece retratação pública!!!

    • Milenna Gomes
      Responder dezembro 17, 2014

      Milenna Gomes

      Oi, Erika. Desculpa, não concordo com você. Eu disse algo ofensivo ou desonesto no texto? Acredito que não. Simplesmente escrevi sobre o lugar. E, de fato, a comida é boa e bem executada, mas disse claramente no texto que isso não é mérito da casa, e sim de outra creperia.

      Não vejo razão de eu precisar me retratar publicamente. Eu não copiei nada de ninguém. E o La Bella vai continuar existindo independente da minha publicação. Vocês estão mirando em mim, mas as armas não deveriam estar apontadas para outra direção?

  • Responder dezembro 17, 2014

    Claudemir Barros

    Milenna, talvez minha filosofia não tenha sido clara ou entendida. Jamais estou criticando seu trabalho ou poatagem. Vc fez o que deve fazer sempre divulgar. Quem tirou a xerox sem a Assinatura foi aquele que ocultou ou omitil a assinatura . Sendo antprofissional e cometendo o ato tão lamentavel. Respeito seu trablho

Deixe um comentário