Il Pastificio, legítima comida italiana no Recife

Já tem duas semanas que fui no Il Pastificio, mas eu não consigo parar de pensar na polpeta (almôndega) com molho de tomate caseiro e no fettuccine alfredo (manteiga, parmesão e creme de leite fresco) que comi por lá. De repente, do nada, a textura da carne surge na mente. É um sofrimento. Parece que tô sentindo ela se desfazendo na minha boca e se misturando ao adocicado do tomate. AFF! Tô aqui passando o rodo porque eu babei o chão todinho agora. Comida italiana é uma das minhas favoritas e essa rotisseria, que abriu há pouco em Boa Viagem, é um desses representantes da gastronomia da Itália que você quer abraçar e dar pulinhos de tanta satisfação. Não é pouco bom não, viu? Se amostra!

Il pastificio 15POLPETONE acompanhado de fettuccine com molho alfredo. R$ 39,90.

Maaaaas, antes de escrever sobre esse lugar que ganhou morada fixa no meu coração e bucho, eu preciso falar de Paolo e Geovanna. Ela, filha de venezuelana com francês, é a moça dos doces. Chef pâtisserie dedicada a uma das coisas que mais me desestabiliziam: sobremesa. Ele, italianíssimo, é cozinheiro de mão cheia e um super conhecedor das técnicas da culinária italiana. Casamentão! Queria agradecer, primeiramente, a Deus por ter feito eles se encontrarem. Em segundo lugar, ao pai de Paolo, que convenceu os dois a desistirem de morar no Curaçau, no Caribe, para vir se instalar em Porto de Galinhas. Aqui para os dois, ó ————————–> ♥

Só pra vocês não ficarem perdidos, o local não é um restaurante, tá? É uma rotisseria, ou seja, você vai encontrar comidas já prontinhas, esperando serem levadas para casa. Aí, a escolha fica entre as feitas no dia ou as embaladas a vácuo, que duram uns seis meses no congelador sem perder o gostxinho. E tudo fabricação própria, produção realizada na cozinha aberta que o cliente consegue ver por trás do balcão. São preparações do norte e do sul da Itália, regiões com gastronomias bem diferentes uma da outra. Ah, mas as mesinhas vermelhas estão lá para quem quiser fazer uma refeição rápida e de boa qualidade. Você paga de acordo com o peso.

Il pastificio 5 Il pastificio 4VITELLO TONATTO Carne maturada, fatiada e coberta co maionese de atum. R$ 59,90 (o quilo).

Assim como o salame de Milão e o presunto de Parma, o vitello é comida típica do norte. E ele é SANSACIONAL. Assim, escrevendo, você vai achar estranho misturar carne com maionese de atum, mas – tô te dizendo -, o negócio é digno. Vai lá provar. O chef pega o lagarto (calma, gente, é só o nome de um corte de carne, você não vai comer calango), tempera com pimenta, sal e azeite. Na Itália, vai maturar naturalmente, até por meses. Aqui, vai para um forno mega potente de muitos mil reais e que cumpre a mesma função. Depois, a carne é fatiada beeeeem fininha e coberta com maionese caseira que leva vinho branco, anchova, atum, entre outras coisas. De chorar.

Já a caponata – essa da foto grandona no topo – é tradicional na região sul, especificamente na Sicília, e leve passas brancas (ou loiras, como eles chamam), berinjela e pimentões. Delícia! R$ 49,90 o quilo.

Il pastificio 2 Il pastificioTIRAMISÙ Mascarpone, café e chocolate. R$ 12.

EU AMO TIRAMISÙ!!! Ô invenção maravilhosa. Geovanna deixa em potinhos expostos na vitrine, uma afronta à moral e aos bons costumes. Aliás, a parte de sobremesa é bem tensa. Você entra e já vê todas piscando bem na sua frente. Não vá de dieta. Estão avisados. Ah, não deixem de pedir suco. Eles têm uns incríveis! O de laranja com cranberry era pra ser vendido num garrafão de 20 litros.

Il pastificio 3SUCO MARAVILHOSO de laranja com cranberry. Não anotei o preço.

Um coisa que faz toda diferença na comida do Il Pastificio (fábrica de pasta, em tradução livre) é a farinha italiana, de granno duro, que eles usam na massa. Em poucas palavras, o resultado é uma pasta firme, que você mastiga até o fim, antes de engolir, e ela não vira uma papa grudenta, que prende nos dentes. Uma das melhores que já provei. Vai lá testar também, certeza que nunca mais você abre a boca pra dizer que não vai pra restaurante gastar dinheiro em macarrão. hahaha

Além da massas frescas, feitas no dia, a clientela pode comprar as secas e preparar no conforto do lar. Nas gôndolas, um garimpo de vários produtos italianos, boa parte industrializados, completam o menu. Amei muito. Quero voltar já.

Il pastificio 7ROTISSERIA Comidas italianas no peso e embaladas a vácuo. E Geovanna, à direita, quase escondida atrás do balcão

Serviço

Il Pastifício
Rua Carlos Pereira Falcão, 184, Boa Viagem.
Informações: (81) 3325-9453
www.ilpastificio.com.br

Milenna Gomes

Criadora do NSC, Milenna é jornalista de gastronomia e mestranda em história da alimentação na Universidade de Coimbra. Recifense vivendo em Portugal. Críticas e sugestões: contato@naoseicozinhar.com

Seja o primeiro a comentar